Notícias

Ministério da Saúde habilita novos serviços em Santa Catarina, que devem somar mais de R$ 8 milhões

30 de Dezembro de 2016 Notícias

O Ministério da Saúde, através de publicações no Diário Oficial desta sexta-feira, dia 30 e de terça-feira, dia 27, divulgou portarias de habilitação de novos serviços de saúde para diversos municípios de Santa Catarina. Hoje, ainda deve sair uma edição extraordinária do Diário Oficial, com mais habilitações, que devem somar mais de R$ 8 milhões para o estado.
Até agora foram beneficiados Hospital Santa Isabel, de Blumenau, UPAS de Araranguá e Canoinhas, Hospital Municipal São José, de Joinville, e hospital Geral e Maternidade Tereza Ramos, de Lages.
Os credenciamentos permitirão a destinação de mais recursos para a ampliação dos atendimentos de emergência e hospitalar realizados no estado, e foram resultado de um trabalho conjunto do Fórum Parlamentar Catarinense, com o governo do Estado, através do governador Raimundo Colombo, com a Secretaria de Estado de Saúde, através do secretário João Paulo Kleinubing, como também das secretarias municipais de Saúde e da AHESC - Associação de Hospitais do Estado de Santa Catarina, da FEHOESC - Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Santa Catarina e FEHOSC - Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado de Santa Catarina.
“Durante esses últimos meses, e intensificado nesta última semana do ano de 2016, a bancada catarinense e sua assessoria técnica, realizou um esforço coletivo, através de uma ação conjunta com o governo do estado de Santa Catarina, e secretaria de Estado de Saúde, junto ao Ministério da Saúde, acompanhando de perto a análise de todos os pedidos de credenciamento dos estabelecimentos que fazem parte da cadeia de prestação de serviços do SUS no nosso estado. Por isso, o Fórum Parlamentar Catarinense agradece as providências que foram anunciadas pelo governo federal, pois são medidas justas e necessárias, que certamente vão ao encontro do que a sociedade catarinense estava a esperar”, comentou o coordenador do Fórum, senador Dalirio Beber.
Para a deputada Carmen Zanotto, que esteve em Brasília, representando toda a bancada, até a noite de ontem, 29, o esforço e união de todos valeu à pena. “Esse trabalho em conjunto da bancada, com o corpo técnico da secretaria do estado de saúde, com o governo do estado de Santa Catarina, foi fundamental para a liberação desses credenciamentos. Esses recursos vão ampliar a oferta de serviços para a população catarinense em várias áreas, como traumato-ortopedia, acidente vascular cerebral, leitos de UTI , leitos de retaguarda, melhorando os financiamentos das unidades hospitalares. Destaco também, com muita alegria, o credenciamento da radioterapia do município de Lages, que é uma luta no serviço de câncer para Lages, desde quando eu ainda era secretária municipal, e agora a gente vê o reconhecimento e o credenciamento por parte do Ministério da Saúde. Enfim, é uma conquista muito importante para todos nós”, comemorou a deputada.
Durante toda a semana passada, e esta semana, foram intensificadas reuniões no Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas – DRAC, do Ministério da Saúde, com o coordenador geral de Controle de Serviços e Sistemas, Josafá Santos, e com a diretora do DRAC, Cleusa Rodrigues da Silveira Bernardo. Também, com o secretário de Atenção à Saúde, Francisco de Assis Figueiredo e com o próprio Ministro da Saúde, Ricardo Barros, que não mediu esforços para que essas publicações acontecessem, atendendo a população catarinense.